Cronologia

Nossa história

 
Toda empresa tem história. É um caminhar, passo a passo, tijolo sobre tijolo, construindo uma trajetória. Desafios que se transformaram em grandes realizações.
No caso da Pró-TV nós não apenas temos história, como cuidamos de uma maior ainda: a da radiodifusão nacional. Conheça nossas conquistas, ano a ano. Viaje no tempo.
 
  • 1993A pré-história


    Vida Alves reúne os pioneiros em maio para uma confraternização, na sede de seus cursos, no Sumaré. No velório do colega Cassiano Gabus Mendes, em 18 de agosto, a atriz tem a ideia de criar uma associação e chama novamente os amigos, que agregam profissionais pioneiros, de todas as TVs. Walter Ribeiro dos Santos, Ana Maria Neumann, Luiz Gallon, Lia de Aguiar, Blota Júnior, Lemos Britto, Lia de Aguiar, Triana Romero, Walter Forster, Walter Stuart, Maurício Loureiro Gama e muitos outros integram o grupo.
    Leia +
  • 1994Preparativos


    Walter Ribeiro dos Santos se responsabiliza em criar os estatutos da entidade. Muitas conversas acontecem para se saber se será um clube ou uma associação. As reuniões acontecem na sede dos Cursos Vida Alves de Comunicação, na Rua Vargem do Cedro, 140, no Sumaré. Em maio outra nova reunião acontece, além de um grande baile no Clube Piratininga. Lá se registra a “Associação dos Pioneiros da Televisão Brasileira”, a APITE. Já se batalha pela criação do “Dia da Televisão”.
    Leia +
  • 1995A inauguração


    Nesse ano, a associação é fundada oficialmente em 21 de agosto. Vida Alves é eleita a primeira presidente e Blota Júnior o primeiro vice.
    A APITE funciona inicialmente dentro na sede da “Lemos Britto”, primeira produtora independente do país, na Rua 13 de maio. Várias festividades são realizadas, pelos 45 anos da TV no Brasil.
    Leia +
  • 1996Tempo de festa


    Um ano de muito planejamento, com reuniões tanto no Sumaré, como na Rua 13 de maio. No Restaurante Dom Place, do ator Marcos Plonka, se realiza uma exposição de fotos pelos 46 anos da TV, em 18 de setembro.
    É realizado também o show “Noite de Gala”, transmitido pela Rede Bandeirantes, em prol da criação do Museu da TV, em 09 de outubro. Em 09 de dezembro, a Assembleia Legislativa de São Paulo homenageia os pioneiros.
    Leia +
  • 1997Os depoimentos


    A APITE – Associação dos Pioneiros da Televisão realiza diversos eventos, como a exposição no Edifício Gazeta com os trabalhos do cenógrafo Cyro Del Nero, em 15 de setembro.
    No dia 18 de novembro é realizado o lançamento do Banco de Dados do futuro Museu da Televisão. Começam a ser gravados os primeiros depoimentos para o Museu da Televisão Brasileira, sendo o de Blota Júnior o primeiro. As primeiras gravações foram realizadas com apoio do Museu da Pessoa. Nesse ano 06 depoimentos foram realizados.
    Leia +
  • 1998O Museu Virtual


    No ano de 1998, a “APITE” passou a se chamar “APPITE”, ao agregar os profissionais de TV, no geral, e os incentivadores ao nome da associação. Há novamente uma mudança de sede para Rua Homem de Mello, em Perdizes. O Tribunal de Contas de São Paulo e a Assembleia Legislativa realizam homenagens a entidade. É promovido em 23 de setembro o primeiro show no Theatro São Pedro. Exposições nos shoppings Raposo Tavares e Center Norte acontecem. É lançado, em 14 de dezembro, numa parceria entre a empresa SCI e a APITE, o “TV BR – Museu Virtual da Televisão Brasileira”, na Fundação Mokiti Okada.
    São gravados 71 depoimentos para o acervo da entidade e se inicia o programa “Encontro com os Artistas”, no Canal Comunitário, transmitido para São Paulo, Brasília e Belo Horizonte.
    Leia +
  • 1999Grandes palestras


    A APPITE volta-se também ao meio acadêmico, realizando círculo de palestras como “Encontro com os Mestres”, na FAAP, em março a junho. Lima Duarte, Eva Wilma, Vida Alves, Mário Fannucchi, Mauro Salles (que tornou-se um dos principais sócios beneméritos) e outros grandes nomes palestraram.
    É realizada homenagem aos cronistas esportivos em setembro, no Luciano do Valle Sports Bar. Mais de 40 depoimentos foram realizados para o acervo do Museu da TV.
    Leia +
  • 200050 anos da TV


    Muitos foram os preparativos para chegada desse ano: o cinquentenário da TV no Brasil. O mês de setembro foram vários eventos. Exposições, palestras, shows... Conjunto Nacional, Caixa Cultural, União Cultural Brasil-Estados Unidos, Theatro Municipal, Assembleia Legislativa, Memorial da América Latina, Centro Cultural São Paulo, Museu da Imagem e do Som e Theatro São Pedro. O show “Noite de Gala”, na Sala São Paulo, foi transmitido pela TV Cultura, com os principais nomes da TV e tendo como apresentadores principais Hebe Camargo e Lima Duarte. Centenas de pessoas estiveram presentes nos eventos. Foi oficializado também o “Dia Estadual da TV”, em 18 de setembro.
    Mais de 980 reportagens foram realizadas sobre as atividades da APPITE, que passou a se chamar Pró-TV, por orientação do publicitário Mauro Salles.
    Leia +
  • 2001O Dia Nacional da TV


    Nesse ano, por iniciativa da Pró-TV, o deputado federal Duílio Pisaneschi conseguiu a aprovação do decreto, que instituiu o 18 de setembro como “Dia Nacional da TV” (inauguração da TV Tupi, em 1950). Uma comitiva de pioneiros foi à Câmara dos Deputados, em Brasília: Vida Alves, Paulo Cabral de Araújo (Associados), Paulo Machado de Carvalho Neto (ABERT), Mauro Salles e muitos outros.
    A associação lançou sua própria publicação: o “Boletim Pró-TV”.
    Em setembro foi realizado o show “TV no Mundo dos Sons”, em homenagem aos 51 anos da televisão, no Theatro São Pedro. Já em novembro, foi lançada a exposição “Janela Mágica”, com a Pró-TV e Dana Cultural, no Conjunto Nacional.
    Leia +
  • 2002Memória infantil


    Mais de 100 depoimentos já foram gravados até então para o acervo.
    Em abril, no Museu da Casa Brasileira, foi lançado o livro “Vida...Uma Mulher”, em que Vida Alves contou sua história junto dos pioneiros. Foi ganhador do Prêmio Clio do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo.
    No Theatro São Pedro, a Pró-TV realizou uma grande homenagem aos programas infantis no “Dia Nacional da TV”. Tatiana Belinky e os pioneiros do Sítio do Pica-pau Amarelo, Nicette Bruno (como a Dona Benta da Globo), Sonia Maria Dorce, o Vigilante Rodoviário, o grupo Gengis Khan, a conta Céu e o Maestro Reynaldo Poças foram alguns dos que subiram no palco.
    Leia +
  • 2003Aos jornalistas


    No dia 28 de junho a sede da Pró-TV foi transferida oficialmente para antiga sede dos Cursos Vida Alves de Comunicação, na Rua Vargem do Cedro, 140, no Sumaré. A inauguração do “Espaço Cultural Pró-TV” se deu naquele dia.
    A Pró-TV lançou seu novo site: www.museudatv.com.br.
    Em setembro o show “TV Música e Notícia”, no Theatro São Pedro, homenageou o telejornalismo. Maurício Loureiro Gama, Murillo Antunes Alves, José Paulo de Andrade foram alguns dos homenageados, tendo no final um show de Sérgio Reis.
    Leia +
  • 2004O Prêmio Pró-TV


    No dia 08 de junho, no Nacional Clube, surgiu o Prêmio Pró-TV, que homenageou Francisco Gothillf, criador do programa mais longevo da televisão brasileira: “Mosaico”. Nesse ano foram lançados vários com o apoio da associação, como “Pioneiros do Rádio e TV”, de David José de Lessa Mattos (a partir dos depoimentos da Pró-TV) e “Essa Louca Televisão e Sua Gente Maravilhosa”, da atriz Ana Rosa. Em setembro, no Theatro São Pedro, a Pró-TV promoveu o show “Celebração da Paz: Prêmio “Irmãos Villas-Boas Humanitas”, com mais de 500 pessoas.
    Em 20 de novembro a Câmara Municipal de São Paulo homenageou os pioneiros da TV.
    A Pró-TV passou a apoiar a Imprensa Oficial do Estado de São Paulo com conteúdo e fotos para os livros da “Coleção Aplauso”, coordenada pelo crítico Rubens Ewald Filho, também diretor da associação. Um dos primeiros projetos em conjunto foi o livro “Gloria in Excelsior: Ascensão e Queda do Maior Sucesso da Televisão Brasileira”, sobre a TV Excelsior, de Álvaro de Moya (vice-presidente da Pró-TV).
    Leia +
  • 2005Grandes parcerias


    Foi o ano de comemorações pelos 55 anos da TV no Brasil. Grandes eventos foram realizados nesse ano. Em setembro uma exposição de fotos do acervo aconteceu no Restaurante Gigetto, com a entrega do Prêmio Pró-TV em 24 de setembro. Eva Wilma, Regina Duarte, Márcia Real, Laura Cardoso, Glória Menezes foram algumas das homenageadas. A exposição 55 Anos da TV aconteceu na Oficina Cultural Oswald de Andrade e na Oficina Amácio Mazzaropi.
    Para finalizar o ano, em 06 de dezembro, uma grande festividade aconteceu no antigo Estúdio A da TV Tupi, o auditório da ESPN Brasil, no Sumaré. Os pioneiros do primeiro dia da televisão no Brasil voltaram ao mesmo espaço 55 anos depois para serem premiados. Pura emoção.
    O “Boletim Pró-TV” se transformou em “Jornal Pró-TV”, com 8 páginas impressas.
    Nesse ano, a Pró-TV passou a ter o apoio de emissoras. A Fundação Padre Anchieta / TV Cultura e a ABRA – Associação Brasileira de Radiodifusores (Band, SBT e RedeTV!) passaram a contribuir financeiramente para manutenção da associação.
    Leia +
  • 2006TV História


    No dia 21 de maio estreou na Rede NGT o programa “TV História”, apresentado por Vida Alves, com direção-geral de Elmo Francfort e direção de imagem de Arthur Ankerkrone. Vida apresentava os depoimentos da Pró-TV, sempre aos domingos, 21 horas, em rede nacional. Lima Duarte e Fernanda Montenegro foram os primeiros depoentes. O programa ficou no ar por quatro anos.
    Em setembro foi realizada homenagem aos pioneiros da TV Paulista (canal 5), 55 anos após a inauguração da segunda emissora de São Paulo (hoje TV Globo). Também aconteceu a exposição “Televisão Brasileira: Primeiros Tempos”, no MIS-SP – Museu da Imagem e do Som, itinerando pela Faculdade Cásper Líbero, Rio Branco, ESPM e na sede da Secretaria de Estado da Cultura – parceira da iniciativa – e na Oficina Cultural Oswald de Andrade.
    Leia +
  • 2007Da Cultura à universidade


    Em 18 de junho a Pró-TV firmou em parceria com a Universidade Metodista, de São Bernardo do Campo, que criou novos depoimentos com pioneiros, através da Rádio Metodista, sob orientação dos professores Alcides Martins Fontes e Antonio de Andrade.
    No dia 18 de setembro foi realizada a festividade pelos 57 Anos da TV, com uma mostra dentro da sede da Fundação Padre Anchieta, com a presença do presidente do grupo, Paulo Markun e apresentadores da TV Cultura, além de pioneiros da televisão.
    Em 28 de novembro a Pró-TV lançou em parceria com os autores Eurico Neiva e Mauro Gianfrancesco o livro “De Noite Tem... Um Show de Teledramaturgia na TV Pioneira”, na Livraria Cultura do Conjunto Nacional.
    Começou a parceria da Pró-TV com a ABCD Nossa Casa, em 06 de dezembro, com o show “A História da Televisão Brasileira: Programas Infantis”, no Espaço Cultural Promon, no Itaim Bibi. Para realização de exposições e projetos especiais, a Pró-TV fez parceria com a MemoriArte.
    Leia +
  • 2008Muitos aplausos


    No dia 11 de fevereiro, na Sabina – Parque do Conhecimento (Santo André, SP), a MemoriArte realizou com a Pró-TV a exposição “Mundo dos Bonecos, Bonecos do Mundo”.
    Em abril, no dia 14, a Pró-TV e a Imprensa Oficial realizou evento conjunto na Casa das Rosas para o lançamento dos livros “TV Tupi: Uma Linda História de Amor” (Vida Alves), “Rede Manchete: Aconteceu, Virou História” (Elmo Francfort) e a biografia “A Queridinha do Meu Bairro”, de Sonia Maria Dorce – todos diretores da associação.
    Já em 15 de setembro a MemoriArte e a Pró-TV, na Sabina, inaugurou a exposição “De Olho na Terra”, divulgando a importância da sustentabilidade no mundo.
    No dia 18 de setembro foi comemorado os 58 anos da TV no Brasil com o apoio da Fundação Padre Anchieta no Restaurante Gigetto, após a TV Cultura restaurar para o acervo da Pró-TV o filme “Quase no Céu” (1949) – primeira aparição de Hebe Camargo, Lima Duarte, Vida Alves, Dionísio Azevedo, Carmem Silva e vários artistas na tela. Na ocasião foi exibido o filme, seguido também pela entrega do Prêmio Pró-TV a alguns artistas pioneiros, presentes na TV Cultura: Fernando Faro, Tatiana Belinky e Rolando Boldrin.
    A Imprensa Oficial passou a imprimir a Revista Pró-TV, em cores, com 12 páginas impressas. A parceria segue até 2011.
    Leia +
  • 2009Grandes encontros


    A Pró-TV passou a realizar palestras em sua sede, no bairro do Sumaré, denominadas “Encontros”. Os primeiros palestrantes foram Rubens Ewald Filho, Nilton Travesso e Jorge da Cunha Lima, com a presença do público em geral (destacando-se também muitos universitários). No dia 27 de agosto a Pró-TV e a MemoriArte inauguraram a exposição “Música e Educação”, na Sabina (em Santo André).
    Para comemorar os 59 anos da TV, foi realizado uma exposição (“Marcos da TV”) e o Prêmio Pró-TV (Tony Ramos e o Jornal Nacional foram alguns dos homenageados) no hall do Auditório Simón Bolívar (Memorial da América Latina), com o apoio da Secretaria da Cultura, da Fundação Padre Anchieta e da Philips. Na mostra 30 painéis contavam a história da TV, tendo peças históricas e figurinos da TV Cultura, como o primeiro Garibaldo (Vila Sésamo), o X-Tudo e roupas do “Castelo Rá-tim-bum”.
    Leia +
  • 201060 da anos da TV


    A Secretaria de Estado da Cultura transforma a exposição da Pró-TV, que comemorou os 59 anos da TV, em itinerante. O SISEM-SP (Sistema Estadual de Museus) e ACAM Portinari colaboram com “Marcos da Televisão Brasileira”, reinaugurando a mostra com a itinerância em Mogi das Cruzes (SP), em 22 de maio. A exposição segue depois para os municípios de Jaboticabal, São José do Rio Preto e Orlândia.
    A maior festa da história da Pró-TV acontece no Auditório Simón Bolívar, no Memorial da América Latina, na noite de 18 de setembro. Com apoio da Secretaria da Cultura e da Rede Bandeirantes, com direção geral de Nilton Travesso e produção executiva de Rita Okamura. O evento foi apresentado por Marcelo Tas e Thais Alves, com a presença de 70 artistas de todas as épocas no palco – Lima Duarte, Ronnie Von, Raul Gil, Hebe Camargo, Regina Duarte, Carlos Nascimento, Eva Wilma, Caçulinha, Wanderléia, Agnaldo Rayol, Wilma Bentivegna, Maria Tereza Gregori e muitos outros – e duas plateias totalmente lotadas. Mais de 150 órgãos de imprensa cobriram o evento. No dia 30 de setembro a Câmara Municipal de São Paulo realizou Sessão Solene em homenagem aos profissionais da televisão.
    A Pró-TV, em 18 de novembro, recebeu o Prêmio Empreendedor Brasil, por causa das lutas da entidade pela memória da televisão.
    Leia +
  • 2011Conquistando o país


    A Rede Globo, em agosto, tornou-se uma das entidades mantenedoras da Pró-TV. No dia 16 de setembro a parceria começou a render frutos: foi inaugurada na TV Globo São Paulo a exposição “60 Anos da Telenovela Brasileira”. Apoio total, capitaneado por Octávio Florisbal (diretor-geral), André Dias (Negociações Especiais) e Luis Erlanger (Comunicação). Ainda nesse ano itinerou pelo Rio de Janeiro (com apoio da TV Globo Rio, dentro do Projac) e Belo Horizonte (com a TV Globo Minas, no Palácio das Artes).
    Em 19 de setembro foi inaugurado um novo pólo da Pró-TV: a “Cidade da TV”, em São Bernardo do Campo (SP). O novo espaço foi criado dentro da Cidade da Criança, apoiado pelo parque, pelo Aquário de São Paulo e pela Prefeitura do Município de São Bernardo do Campo.
    Com o apoio da Secretaria de Estado da Cultura, nesse ano a exposição “Marcos da Televisão Brasileira” itinerou pelos municípios de Itaquaquecetuba e Vargem Grande do Sul.
    Leia +
  • 2012Uma associação nacional


    A exposição “60 Anos da Telenovela Brasileira”, parceria da Pró-TV com a Globo, itinerou pelo Brasil com apoio de várias emissoras da rede: Brasília, DF (TV Globo Brasília); Santos, SP (TV Tribuna); Recife, PE (TV Globo Nordeste), Teresina, PI (TV Clube); Vitória, ES (TV Gazeta); Belém, PA (TV Liberal); Manaus, AM (TV Amazonas); Londrina, PR (RPC TV Londrina); Curitiba, PR (RPC TV Curitiba); Porto Alegre, RS (RBS TV Porto Alegre); Florianópolis, SC (RBS TV Florianópolis). Fomos de um lado a outro do país levando a história da televisão, para aproximadamente 300 mil visitantes.
    Em 01º de fevereiro, a Cidade da TV recebeu a mostra “SBT 30 Anos”, promovida pela emissora. Grande público foi até o espaço ver a exposição. A exposição “Marcos da Televisão Brasileira” também continuou, percorrendo os municípios de São Paulo com o apoio da Secretaria de Estado da Cultura, do SISEM-SP e da ACAM Portinari. Barretos e Lençóis Paulista foram as cidades contempladas.
    Em setembro foi realizado um evento especial na sede da entidade, com a reestruturação de suas instalações, no Sumaré. Já em dezembro, finalizamos o ano com homenagem e o Prêmio Pró-TV à Regina Duarte, pelos 50 anos de carreira.
    Leia +
  • 2013Cruzando o Atlântico


    Vários eventos aconteceram nesse ano. A exposição “Marcos da Televisão Brasileira” foi pela primeira vez ao litoral paulista, no município de Praia Grande.
    Já a mostra “60 Anos da Telenovela Brasileira”, apoiada pela Globo, chegou ao fim. Só que foi a transformação da mostra, agora destinada ao público estrangeiro. Em 20 de junho a exposição atravessou o Oceano Atlântico, reabrindo como “A História da Telenovela Brasileira: Viagem ao Mundo da Ficção” em Lisboa, com o apoio da TV Globo Internacional e da TV Globo Portugal. Vida Alves, Eva Wilma, Marcelo Novaes e Aguinaldo Silva, estiveram lá, tão bem recebidos por Ricardo Pereira (diretor da TV Globo Portugal). A exposição foi ampliada, com mais figurinos e itens, além de novos vídeos. Um mês depois a exposição passou a itinerar, seguindo para Universidade de Coimbra, também em Portugal.
    Em 14 de setembro uma grande festa aconteceu no Salão de Atos, do Memorial da América Latina, para comemorar o Dia Nacional da TV e também o lançamento do livro “Astros e Estrelas da TV Tupi de São Paulo”, de Eurico Neiva e Mauro Gianfrancesco, com a presença de mais de 800 pioneiros da televisão.
    Leia +
  • 2014Televisão para ler


    A exposição “Marcos da TV Brasileira” teve continuidade, passando por diversos municípios do interior de São Paulo, já sendo uma das mostras de maior longevidade apoiadas pelo SISEM-SP (Sistema Estadual de Museus) e da Secretaria de Estado da Cultura.
    Em 31 de abril foi lançada a “Coleção Pró-TV” de livros, apoiada pela Editora In House. Foram lançados vários títulos até o final do ano, como “Televisão Brasileira: O Primeiro Beijo e Outras Curiosidades” (Vida Alves), “A Rapaziada do Brás” e “Vozes do Brasil” (Thais Matarazzo) e o acadêmico “Canal Viva” (Julio Cesar Fernandes). Para comemorar os 64 anos da TV, no dia 27 de setembro foi lançado “Televisão em Três Tempos” (Elmo Francfort), na Biblioteca Victor Civita, do Memorial da América Latina.
    Em 20 de setembro aconteceu evento comemorativo também na sede da Pró-TV, no Sumaré, com show de Rolando Boldrin e o Prêmio Pró-TV, tendo homenagem especial à TV Cultura.
    Leia +
  • 2015Homenagens a Cassiano Gabus Mendes


    A Coleção Pró-TV (Editora In House e Pró-TV) lançou mais dois livros: “Teatrinho de Brinquedo” (Moreira Júnior) e “Gabus Mendes: Grandes Mestres do Rádio e Televisão” (Elmo Francfort) – esta que comemorou os 65 anos da TV no Brasil e 20 anos de Pró-TV, junto com homenagem a Cassiano Gabus Mendes no Memorial da América Latina, em 19 de setembro. A família esteve lá presente, Helenita Sanches (a viúva), acompanhada dos filhos (Cassio e Tato Gabus Mendes), os netos, Luis Gustavo (cunhado de Cassiano), amigos (Boni, Eva Wilma, Lima Duarte, Vida Alves) e muitos outros. Mais de 500 pessoas estiveram lá, com direito a Orquestra Azul, da ABCD Nossa Casa e vários parceiros de peso, como a Cacau Show e o São Paulo Futebol Clube – time do coração de Gabus Mendes.
    Em homenagem aos 50 anos da Rede Globo, a exposição “A História da Telenovela Brasileira” ficou focada às comemorações da emissora, viajando por todo Portugal através de um caminhão, mantida pela própria TV Globo Internacional / TV Globo Portugal.
    Modificações estatutárias aconteceram e a Pró-TV começou um processo de forte reestruturação interna, para pensar no futuro progressivo da associação.
    Leia +
  • 2016Nada Será Como Antes


    Do final de 2015 até março de 2016, a Pró-TV colaborou com a série “Nada Será Como Antes” (com estreia prevista na Globo no segundo semestre), tendo entre seus consultores Elmo Francfort, Coordenador do Centro de Memória Pró-TV. Em 30 de abril, como primeiro resultado da reestruturação da associação, estreia o novo site institucional www.museudatv.com.br, tendo como ênfase o compartilhamento de informações e uma maior transparência da Pró-TV – inclusive intensificando as redes sociais – e objetivando uma campanha de rejuvenescimento da associação. O lançamento se deu na Assembleia Geral da Pró-TV, que aconteceu naquela data na sede da entidade.
    Nossa história está apenas começando. Vem muito mais por aí. Aguardem.
    Leia +